Centro de SP: Av. Tiradentes recebe a instalação de jardim de chuva – 25 NEWS
quarta-feira, 17 abril, 2024

Centro de SP: Av. Tiradentes recebe a instalação de jardim de chuva

Estrutura, com 940m², está localizada no distrito do Bom Retiro, próximo ao Parque Jardim da Luz e à Pinacoteca do Estado

Avenida Tiradentes recebe a instalação de um jardim de chuva

Estrutura, com 940m², está localizada no distrito do Bom Retiro, próximo ao Parque Jardim da Luz e à Pinacoteca do Estado

A região central de São Paulo em breve contará com mais um jardim de chuva. A estrutura está sendo construída na Avenida Tiradentes, no distrito do Bom Retiro, próximo ao Parque Jardim da Luz e à Pinacoteca do Estado. O jardim terá 940m² e faz parte do projeto de prevenção a enchentes e melhoria do clima urbano.

A Avenida Tiradentes também receberá melhorias no paisagismo em uma área de 1.220m². Essas ações contribuem para aumentar a permeabilidade do solo, evitando enchentes, deixando os ambientes ainda mais bonitos e aumentando a área verde da região central.

Finalidade

Além das funções em infraestrutura verde, essas modalidades ampliam as possibilidades de bem-estar, lazer e biodiversidade urbana, enquanto auxiliam no escoamento da água da chuva. Os jardins filtram a água para uma rede de drenagem subterrânea e evitam o acúmulo na superfície. Este é o objetivo da Prfeeitura, por meio da Secretaria Municipal das Subpreituras, que já implantou 197 unidades. Antes, eram somente 23.

“A implantação de áreas verdes é muito importante para diminuir a aridez da cidade, com a utilização de plantas e flores. Porém, mais do que isso, os jardins de chuva têm como diferencial a capacidade de drenar a água que até então ficava acumulada no asfalto. É mais uma medida para diminuir os pontos de alagamentos”, afirma Alexandre Modonezi, secretário municipal das Subprefeituras.

Por toda a cidade

As estruturas estão distribuídas nas zonas Norte, Sul, Leste, Oeste e Centro. Por região, a distribuição é:

– 80 no Centro
– 33 na Zona Norte
– 32 na Zona Leste
– 16 na Zona Oeste
– 59 na Zona Sul.

Todas as obras foram realizadas por equipes contratadas pelas Subprefeituras. Os jardins de chuva não possuem orçamento dedicado. As intervenções são feitas com os recursos da Dotação 2386 e 2705, que são destinadas à manutenção e operação de áreas verdes, praças, canteiros centrais e remanescentes de cada Subprefeitura.

A região central da capital foi escolhida para receber o projeto-piloto de Soluções baseadas na Natureza (SbN) e concentra a maior parte dos jardins. São cerca de 92 mil m², se considerarmos também outras intervenções com a mesma função de captação de água, como as vagas verdes, biovaletas, escadarias verdes, poços de infiltração, land art e bosques de conservação urbana. Está prevista a entrega de 400 unidades até o final de 2024.

SECOM – Prefeitura da Cidade de São Paulo
Telefones: 3113-8835/ 3113-8831
E-mail: imprensa@prefeitura.sp.gov.br
Sala de imprensa: imprensa.prefeitura.sp.gov.br

VEJA TAMBÉM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

três × quatro =

lateral 2 Banner Precisando divulgar? LIT
pace il mondo

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist