200 mil pessoas: GP São Paulo de Fórmula 1 bate recorde de público em Interlagos – 25 NEWS
segunda-feira, 17 junho, 2024

200 mil pessoas: GP São Paulo de Fórmula 1 bate recorde de público em Interlagos

Cerca de 8.500 empregos temporários foram gerados direto e indiretamente na realização do evento.

GP São Paulo de Fórmula 1 bate recorde de público em Interlagos

Circuito reuniu quase 200 mil pessoas em Interlagos, na Zona Sul da cidade, marcando uma retomada importante pós pandemia nos setores esportivo e turístico em prova histórica

Grande Prêmio São Paulo de Fórmula 1, reuniu o maior público da história, levando ao Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos, na Zona Sul, quase 200 mil pessoas, recorde de público no equipamento municipal. O resultado da última pesquisa realizada pela Fundação Getulio Vargas (FGV) sobre os impactos da prova em São Paulo será divulgado nos próximos dias, mas segundo as projeções feitas pela organização, o número para a cidade de São Paulo pode ter sido de R$ 1 bilhão, importante para a retomada econômica da cidade.

“Neste momento, que estamos atravessando a pandemia e fazendo uma retomada econômica, a geração de empregos é fundamental, pois mostra a cidade de São Paulo como exemplo na sua capacidade de fazer grandes eventos internacionais”, disse o prefeito Ricardo Nunes.

De acordo com os organizadores, 181.711 mil pessoas compareceram ao autódromo nesses três dias de evento, o maior público da história. “A cidade de São Paulo está muito feliz por receber, com tanta qualidade, o Grande Prêmio São Paulo de Fórmula 1”, completou Ricardo Nunes.

Cerca de 8.500 empregos temporários foram gerados direto e indiretamente na realização do evento, que seguiu os protocolos de saúde estabelecidos pela Vigilância Sanitária do Município, como a obrigatoriedade do passaporte da vacina.

A cidade de São Paulo, capital mundial da vacina, conta hoje com mais de 96% dos adultos com a vacinação completa, o que fez a diferença para a realização da prova, que atraiu olhares de todo o mundo.

“Estou muito feliz por poder voltar a São Paulo, em Interlagos, um legado que faz parte da história da Fórmula 1 e do seu futuro”, disse o CEO e presidente da Fórmula 1, Stefano Domenicali. “Esperamos que no próximo ano mais pessoas possam vir e aproveitar este show”, completou.

O GP São Paulo de Fórmula 1 contou com um efetivo 40% maior que a última prova, realizada em 2019, com 1.130 Guardas Civis Metropolitanos e 115 viaturas. O Governo do Estado também disponibilizou policiais militares e civis no entorno da prova e de grandes estabelecimentos comerciais.

“A Segurança foi objeto de um projeto especial. Nós temos 5 mil policiais em Interlagos, no entorno dele, sendo o maior esquema já montado na história do autódromo. Além dos policiais, também temos cães, cavalarias, dois helicópteros e cinco drones. Foi estruturado todo um sistema de monitoramento por GPS para garantir a segurança das equipes, dos pilotos, dos profissionais, do público e do entorno da região”, afirmou o governador João Doria.

O CEO do GP São Paulo de F1, Alan Adler, elogiou o evento e considerou positivo investimentos para o próximo ano. “O público presente está incrível, casa cheia e com uma energia bacana. Vamos investir muito em entretenimento este ano e em 2022, cada vez mais, porque a Fórmula 1 merece e São Paulo merece”, afirmou.

VEJA TAMBÉM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

três × quatro =

lateral 2 Banner Precisando divulgar? LIT
pace il mondo

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist