Prefeitura de SP reforça efetivo da GCM com 1000 novos guardas. em evento com o Prefeito Ricardo Nunes – 25 NEWS
quinta-feira, 23 maio, 2024

Prefeitura de SP reforça efetivo da GCM com 1000 novos guardas. em evento com o Prefeito Ricardo Nunes

Formatura com a presença do prefeito Ricardo Nunes aconteceu na manhã deste sábado (08), no Anhembi; cerca de 400 agentes serão direcionados para região Central

Prefeitura de SP reforça efetivo da GCM com 1000 novos guardas. em evento com o Prefeito Ricardo Nunes

Formatura com a presença do prefeito Ricardo Nunes aconteceu na manhã deste sábado (08), no Anhembi; cerca de 400 agentes serão direcionados para região Central

 

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Segurança Urbana, formou mil novos Guardas Municipais da 3ª Classe, que irão compor as turmas 67, 68, 69 e 70 do ano de 2023 da Guarda Civil Metropolitana (GCM), na manhã deste sábado (08), em solenidade no Anhembi.

Segundo o prefeito Ricardo Nunes, as novas contratações foram feitas para reforçar ainda mais a segurança na capital. “São mais mil guardas civis metropolitanos nas ruas da cidade de São Paulo. Vamos chegar agora próximo de sete mil guardas e outros 500 vão entrar na academia”, destacou. “Além do aumento do efetivo, nós também trocamos todos os veículos, os armamentos e todos os equipamentos da Guarda Civil Metropolitana”, completou.

A partir de segunda-feira (10), a cidade de São Paulo já poderá contar os novos GCMs nas ruas, que estarão aptos a exercer suas funções em contribuição na proteção de pessoas, bens, serviços e instalações municipais, além da atuação efetiva na prevenção e redução da violência, da criminalidade e dos desastres naturais na capital.

“As novas contratações representam uma conquista histórica para a Guarda Civil Metropolitana e para a cidade de São Paulo, pois será um reforço muito expressivo nas ações já realizadas pela instituição”, afirmou a secretária municipal de Segurança Urbana, Elza Paulina de Souza.

Do total de formandos, cerca de 400 agentes serão direcionados para região Central da cidade, em reforço às ações que vêm sendo desenvolvidas pela administração municipal.

A formanda Ana Carine de Araújo Santos, a primeira a tomar posse do concurso, comentou sobre a emoção de ter sido aprovada. “Mal eu sabia que faria parte do primeiro pelotão da turma 67 e que a partir dali eu estaria fazendo parte de um dos concursos mais inclusivos do país. Junto com cariocas, mineiros, paulistas, alagoanos, brasilienses, eu fiz parte de uma jornada tão incrível para todos nós. Aqui, encontramos profissionais que, mesmo após 30 anos de serviço, conseguiram manter nos olhos o brilho de fazer parte dessa tão gloriosa instituição, capaz de passar essa vontade para os novos guardas”, disse.

A contratação dos novos integrantes da Guarda Civil Metropolitana faz parte do Programa de Metas (2021-2024) da Prefeitura de São Paulo, no eixo temático SP Segura e Bem Cuidada (Meta 27), que prevê a contratação de mil novos GCMs.

Sobre o concurso

Com o diferencial da inclusão da não distinção de gênero, o concurso público para a Guarda Civil Metropolitana – 3ª Classe teve o período de inscrições aberto de 1 de abril a 4 de maio de 2022 e contou com quatro etapas: redação, prova objetiva, avaliação psicológica e prova de aptidão física. Foram oferecidas mil vagas, sendo 750 de ampla concorrência, 200 para candidatos negros e afrodescendentes e 50 para pessoas com deficiência (PcD).

O curso para os novos agentes teve duração de seis meses e totalizou 640 horas-aula. Na Academia de Formação em Segurança Urbana (AFSU), foram ministradas aulas teóricas e práticas, seguindo a Matriz Curricular da SENASP, com estudos de casos focados no policiamento preventivo e comunitário dos espaços públicos da cidade de São Paulo, sempre pautadas nos princípios e garantias dos Direitos Humanos, pilar institucional da GCM.

Para serem aprovados, os agentes precisavam atingir nota 7 em todas as disciplinas, além de apresentarem assiduidade, pontualidade, disciplinaridade, equilíbrio emocional e capacidade técnica profissional para o exercício da função de Segurança Urbana.

Investimentos e avanços

A Prefeitura de São Paulo tem investido em ações como novos projetos, programas e, também, na aquisição e entrega de novos equipamentos para GCM como a renovação da frota de viaturas (271) e motocicletas (116), além da modernização das unidades e novos armamentos. Tais iniciativas visam melhorar o atendimento ao cidadão e, também, a qualificação profissional dos guardas, que constantemente participam de cursos de aperfeiçoamento em diversas categorias.

A Secretaria Municipal de Segurança Urbana (SMSU) ainda comanda a implantação do Programa Smart Sampa, que visa à instalação de 20 mil câmeras na cidade até 2024, em integração com diversos órgãos, como CET, SAMU, Polícia Militar e Civil.

Já o Programa Dronepol, pioneiro na gestão pública do Brasil, tem a finalidade de reforçar as operações da Guarda Civil Metropolitana e da Defesa Civil, monitorando áreas de risco, invasões em áreas de interesses ambientais, locais com grande aglomeração de pessoas e auxiliando no combate à criminalidade.

VEJA TAMBÉM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

5 × três =

lateral 2 Banner Precisando divulgar? LIT
pace il mondo

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist