Guarda Civil Metropolitano forma mais 30 operadores de drones em novembro – 25 NEWS
quinta-feira, 29 fevereiro, 2024

Guarda Civil Metropolitano forma mais 30 operadores de drones em novembro

Secretaria Municipal de Segurança Urbana certifica mais 30 operadores de drones em novembro

Quase 800 pilotos de diversos órgãos públicos já estão aptos a pilotar as aeronaves.

A Secretaria Municipal de Segurança Urbana (SMSU), por meio da Divisão de Tecnologias Geoespaciais (DTG), certificou, na tarde da última sexta (25), 30 novos pilotos de drones da Turma V/2022 do Curso de Operação dos Sistemas de Aeronaves Remotamente Pilotadas. O evento aconteceu no auditório da Escola de Magistratura do Tribunal de Justiça de São Paulo e contou com a presença da Chefe de Gabinete em exercício, Paula Priscila de Castro.

Diante da participação da Guarda Civil Metropolitana, Coordenação Municipal de Defesa Civil, Polícia Civil, Secretaria do Meio Ambiente de São Vicente, Secretaria Municipal de Segurança de Porto Alegre, SP Obras, SPTrans, Subprefeitura de Capela do Socorro e ABIN, a Chefe de Gabinete em exercício reforçou que “é muito importante essa transmissão de conhecimento de novas tecnologias. Profissionais como os nossos são sinônimo de excelência e reconhecimento, sendo citados em diversos eventos e feiras, dado o pioneirismo do programa no país”.

O Curso de Operação dos Sistemas de Aeronaves Remotamente Pilotadas (Drones) foi realizado de 21 a 25 de novembro e teve uma carga horária de 40 horas. As aulas tiveram como finalidade capacitar os participantes para a fiscalização em operação com aeronaves remotamente pilotadas, oferecendo noções básicas de hardware e software embarcados, análise de risco, com foco na segurança de voo, procedimentos teóricos e práticos de planejamento, execução e pós-voo.

O curso vem sendo oferecido pela DTG, por meio do Programa Dronepol, desde julho de 2018, quando 33 pilotos foram certificados. Ao todo, 780 agentes, tanto da GCM quanto de diversos órgãos públicos brasileiros, como Polícia Militar, Polícia Federal, Marinha e Aeronáutica, já estão aptos a realizar ações de fiscalização e monitoramento com o emprego de drones, além de conhecerem a legislação relativa ao tema.

Desde a criação do Programa, em maio de 2017, outras forças passaram a se interessar pelo Curso, não só pela experiência que os agentes da GCM têm na pilotagem dos drones, como também pelo pioneirismo da SMSU em adotar as aeronaves para reforçar o policiamento e a fiscalização durante as operações.

Programa Dronepol

O Programa Dronepol, da Divisão de Tecnologias Geoespaciais, é pioneiro na gestão pública do Brasil, com a finalidade de reforçar as operações da Guarda Civil Metropolitana e da Defesa Civil, monitorando áreas de risco, invasões ambientais, locais com grande aglomeração de pessoas e auxiliando no combate à criminalidade.

A SMSU é o órgão que mais opera drones no País, segundo o Departamento de Controle do Espaço Aéreo – DECEA, da Aeronáutica. O Programa tem à sua disposição 31 drones de alta tecnologia equipados com câmeras de alta definição, ampliando o poder de visão dos agentes para localizar esconderijos de drogas e pontos de tráfico, além de operações pontuais em apoio aos demais órgãos públicos, sendo utilizados também em missões de inteligência e operações de monitoramento de grandes eventos e manifestações.

 

 

SECOM – Prefeitura da Cidade de São Paulo

VEJA TAMBÉM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

três × 5 =

lateral 2 Banner Precisando divulgar? LIT
pace il mondo

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist